Movimento em Defesa da Vida em Fortaleza é Recebido pelo Poder Legislativo

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, vereador Walter Cavalcante (PMDB), e os vereadores Benigno Júnior (PSC) e Marcos Aurélio (PSC), receberam nesta quarta-feira, 15, representantes do Movimento em Defesa da Vida da Capital. O momento buscou apresentar ao Legislativo a articulação para a realização da Marcha pela Vida, que neste ano será antecipada para o dia 15 de setembro.

Outra pauta do encontro foi a criação da Semana Municipal em Defesa da Vida, que como colocou os integrantes do Movida, seria um espaço nas escolas e na sociedade para um amplo debate sobre o universo da concepção do ser humano. A proposta foi a colhida pelo presidente da Câmara, que colocou todo o apoio da Casa na realização de mobilizações em favor da vida e contra o aborto.

“Deus nos deu a vida e só cabe a ele retirar. Sou radicalmente contra a mulher praticar o aborto”, frisou o Walter Cavalcante, enfatizando a sua participação como homem público nas manifestações em favor da vida. O parlamentar destinou ainda recursos no Orçamento do Município de 2013 em apoio à Marcha pela Vida.

Como enfatizou a coordenadora do Movida, Karla Cruz, o movimento vem na conscientização e na abertura de um diálogo sobre a vida. Destacando a vida como um direito universal de todos, a coordenadora retratrou as possibilidade que surgem ao nascimento de uma criança. “A cada pessoa que nasce são novas forças e novas possibilidade para a sociedade”, apontou.

A Marcha pela Vida foi incluída no Calendário Oficial do Município, lei de autoria do vereador Walter Cavalcante e aprovada pela Câmara. A mudança na data de realização do evento vem ao encontro da votação do Código Penal em outubro, que dentre as proposta, está a legalização do aborto em gestação de até 12 semanas.

O Movida, no encontro com os parlamentares, enfatizaram a necessidade de um engajamento do Poder Público na garantia do direito à vida. Para reforçar o movimento contra o aborto, a entidade evidencia as pesquisas cientificas entorno da temática, que comprovam que após a concepção já existe vida.

Os vereadores Benigno Júnior e Marcos Aurélio declarando o apoio ao Movida e as demais manifestações contra o aborto, evidenciaram o engajamento de seus mandatos na conscientização da sociedade. “A vida é muito rápida e a violência está imperando”, apontou Marcos Aurélio. O projeto para a criação da Semana em Defesa da Vida será apresentado na Câmara para apreciação plenária.

Fonte: http://www.cmfor.ce.gov.br
Por: POR ADRIANA ALBUQUERQUE